logo
logo

A cidade de Salvador

A cidade de Salvador

Saiba mais sobre a cidade luz

Salvador, Cidade Luz,

Teus calores solares, libidinosos dos becos da Liberdade.

Tua silhueta delgada e desdentada da praia côncava e luzidia do Porto da Barra.

"Essa areia branca ninguém nos arranca".

Salvador, cidade dos sonhos cintilados pela mestiçagem inequívoca de tuas pedras históricas. Sangue e barro nas tuas pedras fundamentais. Sangue negro reluzente, barro branco excludente de tuas vias e becos.

Todos os sinos batem para silenciar a tua verdade indigente: Salvador, livro aberto de páginas em branco, no branco, pelo branco...

Teus rastas confusos, tuas negras difusas, teus guetos polifônicos que vibram na matemática batida do coração-tambor.

O pavor! O pavor! O pavor de teus pecados, a execução pelos teus fardados.

"A lágrima clara sobre a pele escura". A água clara sobre a lágrima escura.

Nesta cidade nem todo mundo é de Oxum, mas toda menina dança nordestina, Amaralina, nas ruas de um rio vermelho ou nos labirintos pornográficos de uma feira Joaquim.

Cada palma de mão, cada palmo de chão que reconhece no teu povo o cheiro do suor de cada dia que ilumina o prato e traz o pão.

Tuas noites e dias se confundem na graça e na desgraça da tua claridade que incendeia os teus.

Salvador cidade de ninguém, Roma Negra iluminada pela íris de Deus.

E por ser cidade luz, é que Salvador será sede do 1º Congresso da Photographia, nada melhor do que luz que encontra a luz.
________________________________________
Texto Gill Sampaio, Fotografias Júnior Soares

Monte seu congresso.

Escolha o pacote de atividades e cadastre-se.